21.7 C
Amambai
quinta-feira, 25 de abril de 2024

Com a participação de 487 estudantes, SEBRAE, SEAGRI e SEMED encerram edição 2023 do projeto Recicla Verdinho

- Publicidade -

A Prefeitura de Amambai, por meio das Secretarias Municipais de Educação (SEMED) e Agricultura e Pecuária (SEAGRI), em parceira com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE), com a Cooperativa dos Catadores de Materiais Recicláveis de Amambai (COOPERCICLA) e com a Cooperativa SICREDI encerrou na manhã desta quarta-feira, 8 de novembro, a edição 2023 do projeto Recicla Verdinho.

A ação é uma estratégia de integração da sociedade amambaiense com foco na sustentabilidade através da educação ambiental, alimentar e financeira dos alunos da rede municipal de ensino e no desenvolvimento econômico local dos agricultores familiares e dos catadores de materiais recicláveis.

Participando, as crianças reúnem os materiais recicláveis e trocam por “verdinhos” na escola. Esta moeda pode ser utilizada para adquirir alimentos no Mercado Municipal junto a produtores cadastrados que depois recebem o valor real do SICREDI. Todos os materiais recicláveis angariados são doados para a Cooperativa de Amambai, somando renda aos cooperados.

O projeto é realizado em Amambai desde março de 2022 e neste ano contou com a adesão da Escola Antônio Pinto, que junto a Escola Maria Bataglim conseguiu somar 487 alunos participantes e mais de 14 mil verdinhos trocados, superando as expectativas. A ação também contou com um grande apoio de entidades, autoridades, empresas e lideranças que com sua doação proporcionaram mais motivação para os estudantes.

Com a participação de 487 estudantes, SEBRAE, SEAGRI e SEMED encerram edição 2023 do projeto Recicla Verdinho
A Escola Antônio Pinto foi a que mais arrecadou materiais recicláveis e ganhou um cheque de R$ 1 mil / Foto: Adrielly Maciel

Durante o ato, que aconteceu no Mercado Municipal, a agricultora familiar Gislaine Alves agradeceu a todos os envolvidos no projeto e pelos recursos que estão investindo nos produtores. “Parabéns a todos vocês por este belo trabalho, recebemos muitos verdinhos e essa é a prova de que o projeto está funcionando e as crianças estão aprendendo, elas são o nosso futuro”, afirmou.

Túlio Guilherme representou a Coopercicla. Segundo ele, este projeto depende de cada um dos envolvidos e é muito gratificante ver que foi possível chegar até aqui. “O envolvimento de todos é de extrema importância, é bom ver a educação ambiental acontecendo e com ela a melhoria no sistema de separação de lixo com a conscientização dos alunos. Estamos juntos com vocês e sempre a disposição”, disse.

O gerente do SICREDI, Juraci Brasil, afirmou que é um prazer poder fazer parte do Recicla Verdinho e com o apoio da administração fazer com que ele seja um sucesso. “Nosso propósito é ajudar a comunidade e apoiar projetos como este, por isso, parabéns aos alunos, isto é para o bem de vocês, estamos juntos construindo um futuro melhor”, relatou.

O secretário de Agricultura e Pecuária, Jota Roberto, falou sobre a satisfação e a sensação de dever cumprido nesta data. “Estamos fazendo um trabalho brilhante, somando com todos os parceiros e nossos pequenos cidadãos estão sendo premiados por investir na nossa cidade”, afirmou.

Zita Centenaro, secretária de Educação, ressaltou que dessa vez o Recicla Verdinho superou as expectativas, chegando até mesmo a faltar “verdinhos” para os alunos. “Quanto mais crianças estão envolvidas, mais longe chega a nossa conscientização. Agradeço imensamente a todas as parcerias e as escolas pela dedicação, no ano que vem teremos mais parcerias e continuaremos o nosso projeto”, disse.

De acordo com o consultor do SEBRAE, Fábio Schroeder, é motivo de felicidade estar aqui hoje com este resultado tão expressivo alcançado. “O Recicla Verdinho vai muito além da questão ambiental, ele proporciona muitas experiências para os nossos alunos e só funciona com a parceria de todos, parabéns, Amambai, por mais essa conquista”, falou.

Rodrigo Selhorst, vice-prefeito de Amambai, representou o prefeito municipal Edinaldo Luiz de Melo Bandeira. Para ele, o trabalho que está sendo realizado com as crianças leva saúde para as casas e gera melhoria na vida dos agricultores e catadores, deixando a cidade ainda mais limpa. “Agradeço todo o empenho das secretarias envolvidas e parabenizo vocês, estudantes, que não deixaram esse material receber o descarte incorreto. A nossa administração não medirá esforços para continuar com projetos como esse e no ano que vem estaremos ainda mais motivados”, concluiu.

A unidade educacional que mais arrecadou materiais recicláveis foi a Escola Municipal Antônio Pinto da Silva que através da diretora Eliane Pereira Arteman recebeu uma premiação no valor de R$ 1 mil. Os estudantes Enzo Gabriel, Gabriel Delfim, Fernando Soares e Emanuely Mariano conquistaram o podium e receberam uma bicicleta; Alice Rozemberg, Bernardo Vieira, Ayla de Oliveira e Pedro Leonardo receberam um Overboard cada e os alunos José Otávio, Luiz Eduardo Adorno, Isabela Santos e Brenda Gabriely receberam novos patins.

Além deles, os alunos João Pedro Souza e Gustavao de Almeida Padilha foram sorteados e receberam uma poupança de R$ 100,00. Guilherme Elgman e Pedro Henrique Abreu conquistaram as poupanças de R$ 200,00 e Maria Eduarda Pereira e Werton Lima Almeida as de R$ 300,00.

Junto as autoridades já citadas, estiveram presentes no evento o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico Roberto Racchtiune, o secretário de Assuntos Indígenas Zenaldo Moreira, a coordenadora do Coletivo Educador Marta Soares, o consultor do SEBRAE Emerson Paulo e a coordenadora do projeto Lucrécia Pael.

Confira alguns registros:

Fonte: Bruna Corrêa/SECOM

Fotos: Adrielly Maciel/SECOM

Leia também

- Publicidade -
- Publicidade -